Recipac
Associação Nacional de Recuperação e Reciclagem de Papel e Cartão

O papel e o cartão são materiais com diversas aplicações: do fabrico de livros, e jornais aos lenços, sacos e embalagens, o papel/cartão é uma presença constante no nosso quotidiano.

papel_material.jpg

A preferência por este material em detrimento de outros radica em motivações de base económica e ambiental:

  1. O papel e o cartão são recicláveis, recuperáveis e biodegradáveis.
  2. As embalagens de papel/cartão são leves, resistentes, higiénicas e económicas, constituindo uma eficaz barreira protectora contra contaminantes.
  3. Os países com uma taxa de consumo de papel/cartão elevada, ainda que não possuam áreas florestais, podem recorrer à reciclagem para o fabrico de novos papéis.
  4. O impacte ambiental resultante do fabrico de papel tem vindo a diminuir cada vez mais, quer pela diminuição dos consumos de energia e de água, quer pelo desenvolvimento de novos processos tecnológicos, quer ainda pela crescente utilização de fibras recicladas no fabrico de papel novo.
  5. A reciclagem de papel/cartão poupa os recursos naturais e diminui o volume de resíduos a encaminhar para aterro.
  6. O papel/cartão que já não pode ser reciclado pode ainda ser valorizado energeticamente, através da sua transformação em combustível, utilizado depois para a produção de energia. 

Existem enumeras vantagens da utilização do material papel na estratégia de comunicação, tais como:

  1. Sentir a diferença de:
    1. Ligação emocional ao produto em papel pelo estímulo dos sentidos;
    2. Ler Comunicação em papel;
    3. Dobrar um folheto, ou cortar e guardar voucher para utilização simples;
    4. Qualidade do papel e imagens de alta resolução;
    5. Pousar e pegar de novo, etc….
  2. A taxa de eficácia da comunicação impressa é elevada por captar a atenção do leitor.

Para mais informações consulte o site da campanha Print Power.